Rui Vitória: «Vamos querer somar três pontos frente ao Sp. Braga» UM DOS JOGOS “MAIS EMBLEMÁTICOS DO PAÍS” (Jornal Record)

Rui Vitória: «Vamos querer somar três pontos frente ao Sp. Braga» UM DOS JOGOS “MAIS EMBLEMÁTICOS DO PAÍS” (Jornal Record)

O treinador Rui Vitória disse esta quinta-feira que o Vitória Guimarães se vai apresentar com muita vontade de vencer, na sexta-feira, o dérbi do Minho, jogo que abre a 15.ª jornada da Liga.

“É um dos jogos mais emblemáticos do país. Vamos fazer um jogo muito idêntico àquilo que tem sido a nossa filosofia: muito trabalho, muita dedicação, muita luta pela bola e muita vontade de vencer”, disse o treinador dos vimaranenses, que espera, nesta curta deslocação a Braga, uma partida “em que os pormenores podem fazer toda a diferença”.

Para o técnico, “o Sporting Braga é uma equipa recheada de bons jogadores”, que tem “um treinador de reconhecido valor”, mas acredita que o Vitória Guimarães se irá apresentar, na sexta-feira, com a “dose de confiança necessária de quem está preparado para fazer um bom jogo e ganhar”.

Os vimaranenses não triunfam em Braga desde a época 2002/03 (vitória por 4-2), nunca tendo vencido no Estádio Municipal de Braga, mas Rui Vitória desvaloriza o facto histórico.

“Se os recordes existem são para ser batidos. Se não se ganhou, a probabilidade de se ganhar aumenta. A história vale o que vale. Os contextos dos clubes eram outros. O Sporting Braga tem feito uma caminhada nesta última época e adquiriu o estatuto de grande”, defendeu o técnico.

A possibilidade de alargar a vantagem sobre o Sporting Braga na classificação da Liga para sete pontos agrada ao treinador vimaranense, embora, para ele, o importante seja somar os três pontos.

“É uma motivação, não pelo Sporting Braga, mas por estar naquele lugar, com estes pontos já somados. Vamos querer somar mais três, assim como o adversário. É uma motivação para alimentar a ambição de querer muito vencer, sabendo que não se ganha sem enfrentar as dificuldades”, esclareceu.

Rui Vitória crê que a pausa competitiva do Vitória não irá afetar o rendimento da equipa frente ao Sporting Braga, até porque serviu para aliviar o elevado número de jogos que a equipa disputou até dezembro.

“Hoje em dia, não há muita oscilação no trabalho, pois os processos de treino estão estabilizados. Depois, tivemos um período de grande densidade competitiva, e houve preparação para aliviar a carga competitiva. Queríamos que chegassem todos em condições de jogar”, disse.

O Vitória tem hoje um menor poder de compra do que o “rival” Sporting Braga, mas o técnico vimaranense, apesar de o reconhecer, diz que o fundamental é construir uma boa equipa.

“Poderemos ter uma tarefa mais difícil, mas eu olho para os clubes como equipas. Por vezes, um grande conjunto de jogadores não faz uma boa equipa. Temos jogadores que podem se tornar figuras do futebol português. Quando se joga com produtos acabados, é quase escolher só as peças. Nós temos de aliar às peças a valorização dos jogadores”, explicou.

O técnico confirmou que Abdoulaye, central emprestado pelo FC Porto, já trabalha com a equipa, embora ainda não esteja num “processo de treino” desejável, não revelando se o vai convocar.

O Vitória Guimarães, quinto com 23 pontos, defronta o Sporting Braga, sétimo com 19, pelas 20:00 de sexta-feira, no Estádio Municipal de Braga, em jogo da 15.ª jornada da Liga, com arbitragem de Olegário Benquerença, de Leiria.

Leave a Reply